© Copyright 2013 Associação de Defesa do Património Histórico e Arqueológico de Aljezur
Rua João Dias Mendes 48, 8670-086 Aljezur 282 991 011 965 090 518
adpha@sapo.pt
Igreja Nossa Srª de Alva
  
 Localizada no aglomerado urbano da vila denominado de Igreja Nova, é dos finais do século XVIII e foi construída por édito do Bispo D. Francisco Gomes de Avelar, vindo substituir a primitiva Matriz edificada após a Reconquista Cristã, na segunda parte do Século XIII, arruinada após o terramoto de 1755, ficando então “em deplorável estado, inteiramente demolida e arruinada até aos alicerces”.
     Possui um interior de três naves, encerra no tecto da nave central, esculpida em madeira, uma enorme estrela, apoiada numa coroa circular dourada com a inscrição: “Stella Matutina”. O Retábulo da Capela-Mor em talha neo-clássica (1809) constitui um dos melhores exemplares do Algarve.
     A Igreja Matriz contém um interessante acervo da imaginária religiosa, na sua maioria em madeira, composto por doze exemplares. Destaca-se a imagem da Padroeira (Nossa Senhora de Alva) e a imagem de S. Sebastião (outrora pertencente ao altar da Igreja de S. Sebastião, situada a sul da vila e destruída pelo terramoto de 1755).
     O Espólio pictórico que exibe é constituído por sete telas que representam respectivamente S. Pedro, S. Paulo, N.ª Senhora do Patrocínio, O Senhor com a Cruz, o Bispo S. Marçal, o mártir S. Sebastião e a Salvação das Almas do Purgatório, pintura sobre madeira de Estilo Maneirista.
     Esta igreja cuja construção teve inicio em 21 de Setembro de 1795, foi solenemente Dedicada em 10 de Setembro de 1809, comemorando-se este ano o seu segundo Centenário.
Associação de Defesa do Património Histórico e Arqueológico de Aljezur
Fundada em 12 de Fevereiro de 1996.
Início